Tuesday, August 02, 2005

Curiosidade

Ao fazer pesquisas no google para ver o volume da presença de alguns termos na net deparei-me com revelação extraordinária:

A palavra oil (petróleo) com cerca de 71.200.000 resultados (em 0,52 segundos) surge quase a par de sex (sexo) com cerca de 71.700.000 resultados (em 0,19 segundos).

Já numa curiosa comparação entre "peak oil" (pico do petróleo) e marxism (marxismo). Vejo como este novo movimento "peak oil" ganha terreno a uma velocidade impressionante.
"Peak oil" obteve 892.000 resultados (0,03 segundos) e marxism 1.550.000 (0,03 segundos).

Poderam dizer que esse movimento ainda é apenas um fenómeno da internet, mas acho que também por aqui se vê o seu crescimento e potencial.

6 Comments:

Blogger caricoroa said...

Engraçado eu também tinha feito uma pesquisa do termos peak oil só pra ver a quantidade de sites sobre isso. É incrível como isso anda a crescer desde que eu li pela primeira vez sobre isso no início de 2002. Os ataques às torres tinham acontecido há uns meses e já atacavam o Afeganistão e li um artigo de um brasileiro na net a falar que haveria uma série de guerras na Ásia Central e médio oriente por causa de uma coisa chamada "pico do petróleo". Foi a partir daí que começei a me interessar pelo assunto! Isto era uma coisa em grande! Quando eu falava ao pessoal nessa época que o petróleo daí uns tempos ia começar a falhar em em relação à procura ninguém em acreditava. E não acreditavam ainda mais quando eu falava do que isso ia implicar em termos da economia no nosso dia-a-dia. Era ignorado por acharem que eu estava a ficar paranoico ou algo desse genero! mas essa foi daquelas previsões que foram mais acertadas até hoje e não tem falhado! Até já falava de um ataque ao Irão apenas bombardeamentos devido à dimensão do país e etc... E eis-nos agora. Alguém criou um blog sobre o assunto em Portugal e o pessoal relaciona muitos questões com o ouro negro seja na brincadeira seja inconscientemente....

5:54 AM  
Blogger caricoroa said...

Aqui está um artigo chocante que li em Dezembro de 2001 e que me fez começar a pensar sobre estes assuntos:
http://www.fromthewilderness.com/free/ww3/dec2001_files/background_is_oil.html

e este:
http://www.midiaindependente.org/pt/blue/2002/06/28988.shtml

6:12 AM  
Blogger Luis Rocha said...

Olá caricoroa.

Obrigado por visitares o meu blog e por comentares. Comentários e sugestões são benvindos.

Mas sabes tu dizes que leste pela primeira vez sobre o assunto em 2002 (eu já foi em 2004), para quem diz isso tu pareces levar um pouco na brincadeira a questão. É o que eu depreendo do teu comentário e de um outro a outro post em que dizes que a crise energética não é fundamental para a crise do capitalismo.

Discordo, lembra-te que isto não é uma crise passageira e que o peróleo não só é de qualidade excepcional como já não há tempo para substitui-lo sem um grave impacto económico.

És familiar com a "teoria Olduvai", o que pensas dela?

Saudações proletárias
Luis Rocha

11:01 AM  
Blogger caricoroa said...

Sim é me familiar a Teoria do Olduvai que estabelece uma relação entre disponibilidade energética e produção alimentar e respectiva população que pode ser alimentada. E que levada às suas consequências levaria a morte de milhões de pessoas. De qualquer maneira o que acho que acontecerá são mais milhões do que normalmente a morrer em países do terceiro mundo que não serão ajudados pelos do 1º mundo mas não mortes generalizadas a nível mundial e uma quebra acentuada dos níveis de vida de populações das nações ricas. Mas tens que perceber o contexto em que eu aprendi sobre o pico do petróleo: ninguém em Portugal falava sobre isso e se eu não tivesse falado sobre o assunto de um modo mais descontraído os meus amigos e família julgariam que eu estava obcecado/maluco e passariam a ignorar tudo o que eu dissesse. Só começaram a me levar a sério quando o pessoal do resisir.info começou a falar disso e isso começou a ser discutido pelas altas cúpulas e até veio mencionado para meu espanto num documento (como é que este se chama?) aprovado em congresso do pcp. Eu não estou a levar isto na brincadeira mas a crise do capitalismo é devida a muita coisa e vai ser muito agravada por isto. Encontrei livros antigos sobre crises do capitalismo no passado em que também diziam que era o fim deste e etc, por isso não podes esperar que isso venha a acontecer. Ele pode vir a arranjar outra escapatória mesmo que não saibamos ainda qual é. Mesmo que as classes médias desapareçam em países ricos desde que esteja bem pra quem manda isto continua a andar.

3:38 AM  
Blogger Luis Rocha said...

Sabes que documento é esse que apareceu no congresso do pcp, foi uma moção ou foi nas teses (resolução política)?

Quanto à tua ideia que isto é só mais um falso aviso. Deixa me perguntar te uma coisa. Sabias que todas as crises do preço do petróleo (e da sua escassez) causaram recessões mundiais?

Estou a falar das crises politicamente motivadas pelos árabes nos anos 70 (inicios) e pela revolução iraniana dos anos 80 (inicios).

Isso foram crises relativamente curtas de um 1 ano ou 2, agora imagina uma permanente.

Álias, o preço actual do barril que como sabes tem tendencia para subir já está a causar recessões no terceiro mundo e estagnação ecnómica aqui na europa.

12:13 AM  
Blogger caricoroa said...

Sim eu sei que provoca recessões.
Eu devo ter-me explicado mal. Eu estava a falar das teorias do fim do capitalismo não de recessão económica, a qual de certeza vai acontecer, mas o capitalismo vai conseguir dar a volta a isso de alguma maneira e quem vai sofrer mais com isso é o povinho. Por isso digo que o pico do petróleo não pode ser "celebrado" como acelerador da decaída do império. O Brasil é a 9ª economia mundial e isso não impede-o de ser considerado um país sub-desenvolvido! O Brasil é o retrato económico do futuro dos States.
Inté

4:46 AM  

Post a Comment

<< Home

Comunidade Portuguesa de Ambientalistas
Ring Owner: Poli Etileno Site: Os Ambientalistas
Free Site Ring from Bravenet Free Site Ring from Bravenet Free Site Ring from Bravenet Free Site Ring from Bravenet Free Site Ring from Bravenet
Site Ring from Bravenet